O caminho inviolável

This reading was recorded by Alessandro Mistrorigo for Phonodia in Perugia, Italy, on the 2nd of Dicember, 2013.

Read by José Eduardo Degrazia on 2 December 2013

O caminho inviolável

Nem todos somos maus.
Há em alguns uma certa ternura.
Noutros uma maneira especial de sorrir.
Nos cumprimentamos corteses na rua,
apertos de mão macios, leve mover de lábios.
E continuamos o caminho inviolável.

from Cidade Submersa (Ed. Movimento: Porto Alegre, 1979).

Share this Poem with your co-workers or friends